Menu Fechar
Fechar

Os desafios da prática do Cap Table

Fortalecer a continuidade e a ascensão de Startups, em razão do cenário de riscos e incertezas inerentes a esse modelo de negócio, é um árduo trabalho enfrentado por empreendedores. No entanto, o Cap Table, se definido e bem estruturado, poderá tornar essa jornada um pouco menos desafiadora.

Desafios do cap table
Desafios do cap table

A captação de investimentos para Startups em busca de escalabilidade é algo recorrente e compreender a ideia de Cap Table é fundamental para uma jornada empreendedora bem sucedida.

O que é Cap Table e qual é a sua importância?

Cap Table, traduzida para “tabela de capitalização”, é como uma startup está dividida entre os seus sócios. Resumidamente, trata-se de uma tabela na qual estão expostos não só os acionistas e investidores de uma empresa, mas também a participação real de cada um deles na sociedade. 

O Cap Table é uma ferramenta importante porque mantém os sócios a par da situação dos seus investimentos no negócio, evitando eventuais conflitos de interesses em uma possível discussão por direitos e participações na empresa. Outro ponto relevante é que, pelo fato da aquisição de participações societárias/acionárias ser um investimento de risco significativo, quanto mais informações sobre os ativos houver, mais confiabilidade ele trará para eventual investidor.

Engana-se quem considera o Cap Table como uma tarefa descomplicada, isso porque mantê-lo atualizado e organizado é um diferencial no momento de gestão na atração de aporte financeiro.

Os desafios do Cap Table.

O Cap Table serve de referência para elaboração de documentos jurídicos. Por conta disso, é fundamental que todo acordo que se refere à participação societária, direitos e deveres de sócios seja formalizado.

Conforme uma Startup se desenvolve, o controle das participações fica consideravelmente mais difícil. Isso ocorre em razão dos investimentos por intermédio de mútuos conversíveis, outorgas de opções e controle de calendários de vesting simultâneos, emissão de novas classes de ativos, entre outros casos.

Dessa maneira, manter a tabela com as informações constantemente atualizadas é desafiador, dado que o quadro de acionistas pode mudar em determinados períodos. Todo momento que a empresa recebe um novo aporte, o Cap Table deve ser atualizado com a diluição respectiva de cada sócio. Assim os sócios podem consultar o Cap Table com facilidade e minimizar dúvidas e potenciais conflitos. 

Neste sentido, o Cap Table de uma startup deve estar sempre atualizado, de modo a transmitir confiança aos investidores em potencial, permitir uma visão ampla do negócio e garantir confiança no empreendimento.

Nícolas Fabeni

Nícolas Fabeni

Nícolas Fabeni é advogado pela PUCPR, administrador pela UFPR, fundador e CEO da StartLaw, uma empresa de tecnologia que acredita no poder dos dados e da tecnologia para combater problemas na organização de informações jurídicas.